POR UMA HISTÓRIA DA RECEPÇÃO DA OBRA DE MAX MARTINS

R$ 42,00
Disponibilidade: 50
Editora: Pontes Editores
Ano: 2017
ISBN: 9788571139060
Visualizado: 37
Autor (es): José Francisco da Silva Queiroz
Páginas: 250
Qtd:     


As melhores Seleções estão aqui!
PONTES EDITORES

Dúvidas ?
Fale agora com nossos vendedores
Fone: 19 3252-6011

 

Em 2010, chegou à minha mão um projeto de Mestrado, um estudo comparativo entre Max Martins e Octavio Paz. Na primeira conversa com o aluno, depois da aprovação na seleção, dei duas opções, ou modificar o projeto ou trocar de orientador. Não queria assumir a responsabilidade de um projeto de mestrado sobre dois autores que eu não conhecia suficientemente. Eu poderia orientar um projeto sobre a recepção de Max Martins, pois já tinha orientado um projeto sobre Dalcídio Jurandir, a partir da perspectiva da recepção, outro autor paraense que não se encontra na Literatura Brasileira. O aluno concordou com a modificação do projeto – sorte para nós dois. Foi um desafio grande, tanto para mim quanto para o aluno, José Francisco da Silva Queiroz, trabalhar sobre a recepção de toda a obra publicada de Max Martins. O primeiro livro, O Estranho (1952), já havia sido estudado por Melissa Alencar em sua dissertação de mestrado. O que começou, definitivamente em 2011 e, revisado e ampliado, está agora diante do leitor! A publicação segue seu desenvolvimento natural e não tem nada a ver com datas comemorativas, discursos ditirâmbicos ou relatórios acadêmicos; está na hora publicar resultados de pesquisa.

Prof. Dr. Gunter Karl Pressler

Informações
Autor (es) José Francisco da Silva Queiroz
Páginas 250

Fazer um comentário

Seu Nome:


Seu Comentário: Obs: Não há suporte para o uso de tags HTML.

Avaliação:    Ruim            Bom

Digite o código da imagem: